rotina financeira
Como ter uma rotina financeira eficiente ajuda a evitar dívidas
13/04/2020
relacionamento clientes
Contato recorrente com os clientes requer um bom relacionamento
11/05/2020

Dia do Trabalhador: o compromisso da PagueVeloz com seus colaboradores

Dia do Trabalhador

As relações de trabalho mudaram muito. Se, há 200 anos, as jornadas chegavam a 17 horas/dia, hoje isso é impensável. Mudou também a forma como as empresas veem seus colaboradores: parceiros do negócio, ao invés de apenas funcionários

O Dia do Trabalhador é feriado em muitos países, inclusive no BrasilA origem da comemoração remonta ao ano de 1886, quando trabalhadores dos EUA iniciaram protestos, em 1° de maio, por melhores condições trabalho.

Naquele tempo, a carga horária diária em uma fábrica poderia chegar a 17 horas. A principal reivindicação, portanto, era reduzir para 8h. 

Em 1887, trabalhadores de vários países na Europa tomaram a decisão de também protestar. Em pouco tempo, novos protestos ganharam o mundo. 

Mas foi em 1889 que o 1° de maio entrou para a história como um dia dedicado aos trabalhadores por iniciativa de operários franceses. Eles tiveram a ideia de fixar a data como uma homenagem àqueles que haviam feito as paralisações três anos antes, nos EUA.

Desde então, a data é internacionalmente lembrada.

Um novo tempo

Embora naquele primeiro momento, final do século XIX, as mudanças tenham sido quase imperceptíveis, fato é que, de lá pra cá, muita coisa melhorou.

As jornadas de trabalho não são mais exaustivas. Direitos e deveres passaram a ser estipulados de maneira mais consensual. Empregadores começaram a ter mais cuidado com seus colaboradores.

E, hoje em dia, há uma clara ideia de que trabalhador feliz, valorizado, reconhecido, é bom não apenas para ele em si, mas também para a empresa.

É por isso que muitas delas contam com profissionais totalmente dedicados na elaboração de estratégias que promovam o bem-estar dos trabalhadores.

Mudanças não param

Jéssica Graciolo, do departamento de Gente e Cultura da PagueVeloz, explica que muitas coisas mudaram, e ainda mudam, em relação ao trabalho. 

“Estamos em constante evolução em relação a esse tema. Onde, há um tempo atrás, os funcionários deveriam estar na empresa cumprindo rigorosamente sua jornada de trabalho e fazendo apenas a mesma função por longos anos, hoje não é mais assim”, diz. 

Assim, ter horários flexíveis, um bom ambiente de trabalho, horas de descontração e permitir que o funcionário trabalhe de qualquer lugar do mundo, com a modalidade home office, torna o trabalho algo muito mais satisfatório. 

“É dessa forma que queremos que os colaboradores da PagueVeloz se sintam, um time integrado ao negócio, capaz de evoluir a cada dia, com autonomia para assumir atividades e tarefas, porém, respeitando o seu tempo e a sua qualidade de vida”, acrescenta Jéssica.

Motivação: motor que faz a empresa avançar

Especialistas de diferentes áreas do saber, da psicologia ao marketing, são quase unânimes em afirmar que a motivação é um dos principais fatores de bom rendimento pessoal.

Seja no trabalho, na escola ou na família, pessoas motivadas tendem a dar o seu melhor para que uma ideia se concretize, um negócio dê certo. 

É por isso que, ao contrário do que acontecia 200 anos atrás, as empresas de agora entendem que os colaboradores são parte fundamental do crescimento

Na PagueVeloz, por exemplo, os benefícios aos funcionários incluem desde aqueles mais essenciais, como plano de saúde 100% custeado pela empresa, seguro de vida, auxílio educação e jornada de trabalho flexível, até mimos como PVTALKS, máquina de café com todas as opções liberadas, frutas, espaço para refeições e para descanso, entre outros.

Os números comprovam

Mais que palavras, valorizar o colaborador, de fato, traz resultados. Com crescimento médio de 300% ao ano, os números da PagueVeloz comprovam a eficácia desta estratégia.

Para o CEO Paulo Gomes, mais do que manter um ambiente descolado, ser uma boa empresa para se trabalhar é manter fontes de crescimento sempre bem alimentadas.

“Construir um time bem conectado e que não esteja ‘amarrado’ ao negócio só por conta do seu horário de trabalho, por exemplo, é possível através da criação de ações que mostrem ao profissional o seu valor dentro da organização. Mas é importante frisar que a flexibilidade só é um fator relevante quando vem ligada às demais responsabilidades”, explica Gomes.

Não é por acaso que a PagueVeloz foi reconhecida pela Great Place to Work (GPTW), autoridade global no mundo do trabalho, como um excelente lugar para trabalhar

Com a palavra, os colaboradores

E já que feedbacks, transparência e clareza são valores importantes na PagueVeloz, então vejamos o que alguns colaboradores têm a dizer sobre “como é trabalhar aqui!”.

“O cuidado com cada detalhe, a atenção às necessidades do profissional e da pessoa, e o carinho de nos mantermos bem, mesmo em casa, faz com que eu ame a PagueVeloz cada dia mais.” (Thaise Medeiros – Desenvolvimento)

“Trabalho na PagueVeloz desde 2016, e tenho muito orgulho de fazer parte desse time. Uma empresa que cuida das pessoas e que tem no seu time a razão de existir. Muito orgulho em pertencer.” (Leandro Moura – Comercial)

“É uma das melhores empresas para trabalhar. Sempre inova e está aberta a sugestões de melhorias, envolve toda a equipe, e todos participam. Só tenho a agradecer, pois todos os dias aprendo coisas novas, com pessoas incríveis!” (Eliane Ruediger – Administrativo)

Eu tenho muito orgulho em fazer parte do time, de ter acompanhado o crescimento da empresa. Aqui, somos mais do que uma equipe, lutamos pelos mesmos objetivos, todos remamos para o mesmo lado, é muito gratificante trabalhar onde somos reconhecidos pelo nosso trabalho. É uma honra pertencer. (Alline Higa – Comercial)

“Na PagueVeloz eu encontrei o meu lugar! É um ambiente onde você pode ser você mesmo, e onde os seus esforços são reconhecidos.” (Giulia Schlingmann – Pré-vendas)

“Para mim, a PagueVeloz é uma empresa fantástica, com grandes diferenciais. Aqui não somos vistos apenas como números, mas sim como profissionais. É por isso tenho o maior orgulho em fazer parte deste time.” (Gilson Jose da Silva Junior – Desenvolvimento)

“Aqui é fácil dizer que gostamos do que fazemos!” (Catia Fachim – Comercial)

“Trabalhar na PagueVeloz é ter liberdade pra dar ideias, é atuar lado a lado com a diretoria, é se sentir parte de uma família!” (Jéssica Bosco – Pré-vendas)