produtividade no atendimento
5 dicas para o despachante garantir a produtividade no atendimento ao cliente
22/04/2019
Taxas de antecipação do cartão de crédito
Taxas de antecipação do cartão de crédito: cuidados para não cair em pegadinha
06/05/2019

Quer empreender mas está sem ideias de negócios?

ideias de negócios

Saiba como empreender e utilizar ideias de negócios que representem a sua história.

Você tem vontade de empreender, mas não sabe qual direção seguir? Você está no lugar certo! Vamos te ajudar a encontrar ideias de negócios que tenha a sua cara, que seja uma ferramenta para você se expressar e que reflita e represente o que você deseja. Esse espaço é para você que já empreende ou ainda não empreende, mas que busca empreender de uma forma mais conectada com o seu perfil.

Hoje, as pessoas querem empreender buscando entregar seus talentos e habilidades para o mundo, um negócio que represente a sua história e a sua identidade. Confira 7 passos importantes que podem te auxiliar nesta trajetória.

#1 Abrir a mente para novas ideias surgirem

É importante se colocar no processo de pesquisa e levantar capital humano e criativo, estabelecer a sua identidade. Se autoquestionar: Quem sou eu? O que eu gosto? Quais são as minhas habilidades? Quais são os meus talentos? Qual o meu objetivo? Quais os meus desafios? Que espaço que ocupo no mundo hoje? Quais são meus valores e a minha visão de mundo? Olhar para dentro de si.

#2 Identificar o seu estilo de vida

Qual o estilo de vida que você deseja? Você se identifica com o interior, com a praia ou com a vida urbana? Você gosta do convívio social ou prefere a sua própria companhia? Você gosta de viajar? Qual o seu estilo de vida desejado? Essas perguntas podem auxiliar você a inventar algo que se adapte a quem você realmente é.

# 3 Olhar para fora

Agora é hora de analisar o mercado, fazer uma pesquisa e verificar alguns questionamentos: O que as pessoas estão fazendo? Quais as ideias de negócios inovadores? O que está em alta? Com o que eu me identifico e o que chama a minha atenção? O que está dando certo fora do país?

Fazer um networking, compartilhar ideias e expectativas. A rede de relacionamentos também pode alavancar o seu negócio. Participações em eventos de empreendedorismo também são válidas para perceber o quais as tendências de mercado.

#4 Conectar

A “famosa” troca de valor: a junção da avaliação interna e externa, quem eu sou e o que pode fazer sentido ao meu público. Estabelecer o que você tem a oferecer para quem está aguardando, se colocar a serviço da comunidade e gerar valor.

#5 Planejar o modelo de negócio

É hora de planejar um modelo de negócios adequado. Pesquise e faça o modelo Canvas, que irá te auxiliar na escolha do negócio que irá representar a sua história. Este modelo está disponível na internet.

#5 Testar a ideia (protótipo)

É hora de colocar em prática e verificar se a sua ideia faz sentido. Realizar parcerias através do seu networking, com seus amigos ou de forma voluntária para conseguir um feedback. Encontrar uma forma mais prática e viável para colocar um modelo teste em prática.

#6 Desenhar um plano de ação

Nesta fase você precisa se autoquestionar: Como vou testar? Com quem? Onde? Por quanto tempo? Para quantas pessoas vou oferecer o meu serviço? Terá custo ou não? Definir um plano de ação para saber quando recolher o feedback para seguir o próximo passo.

#7 Colocar em prática

Chegou o momento de cuidar dos passos burocráticos. É hora de registrar a marca, o CNPJ, criar uma logo, site, pensar na composição da equipe, gestão e no planejamento financeiro.

Agora que você já conhece os principais passos para empreender com êxito, já pode colocar a mão na massa, criar, administrar e gerenciar a ideia de negócios que representa a sua história e que tem a sua cara. Vamos lá?