como ser o melhor
Como ser o melhor no que você faz
27/01/2020
profissional proativo
Você é um profissional proativo? Faça o teste e descubra!
17/02/2020

O que é proatividade e como desenvolvê-la em sua empresa

o que é proatividade

Você é cheio de iniciativas? Tenta sempre encontrar formas novas de resolver problemas? Adora dar ideias e é otimista? Pensa sempre “lá na frente?” Talvez você seja só mais um a responder “sim” a essas perguntas.

Ser proativo já é uma obrigação no mundo corporativo. Há alguns anos esta palavra vem sendo usada, às vezes até de forma exagerada e nem sempre com seu verdadeiro significado. Mas afinal, o que é proatividade?

A etimologia, ou seja, a análise da origem dessa palavra, já diz muito sobre o que significa. O prefixo “pró” traz uma ideia de avanço, enquanto o radical “ativo” denota ação. Seria, portanto, uma tendência a ações que visam a avanços.

Ser proativo, portanto, é sair de um estado em que se tenta conservar as coisas como elas são. É desejar que mudanças aconteçam e se preparar para elas.

Em reuniões, entrevistas de emprego, workshops e, claro, no dia a dia do trabalho e da gestão de empresas, quem possui a proatividade como característica predominante está sempre uma passo à frente dos demais.

Resumidamente, as características que indicam uma personalidade proativa no trabalho são:

  • ter ideias que “joguem” seu projeto para frente;
  • enfrentar e desafios com coragem e vontade;
  • prever problemas que ainda podem acontecer e preveni-los.

Isso basta? Infelizmente, não. Para entender melhor o que é proatividade, vamos saber um pouco mais sobre a sua característica oposta.

A maioria das pessoas é reativa

O reativo é o proativo com sinal trocado. Na vida como um todo, assim como a polarização política entre progressistas e conservadores, não é possível fazer  juízo de valor. Há espaço para todos.

Porém, no mundo corporativo, é claro que o perfil proativo é mais desejado, pois traz mais resultados. Pelo menos na atual configuração dos modelos de negócios (que predomina graças à cultura digital).

O profissional reativo é aquele que, como o nome já diz, espera que algo aconteça para que ele reaja. Ele está sempre à espera de orientações, ordens ou permissões para agir.

Por essa razão, o colaborador reativo dificilmente cria algo inovador ou toma algum tipo de decisão.

E é por isso que ele é ainda menos indicado para cargos de liderança como gerente, coordenador ou supervisor, que exigem posturas firmes e iniciativas com vistas a melhorias.

O que uma pessoa reativa faria, provavelmente, em uma posição dessas, seria se revestir de desculpas e se vitimizar por problemas ocorridos, além de alegar falta de tempo para fazer tudo o que deve ser feito.

O que é proatividade na empresa

A essa altura já deu pra entender porque o perfil proativo é tão desejado nas empresas.

Você, como gestor, tem a obrigação de ser proativo. Mas o mesmo perfil é esperado de cada colaborador. Aliás, um único profissional proativo dentro de uma empresa já será capaz de fazer muita diferença. 

Se uma única pessoa proativa já é capaz de grandes transformações, imagine do que seria capaz uma equipe inteira!

Pois saiba que isso é não apenas possível, quanto necessário nos dias de hoje.

Para que isso aconteça, tenha como foco os seguintes aspectos como gestor de uma equipe:

  • Identifique e valorize as pessoas que trazem soluções, e não problemas (fofoqueiros, dedos-duros e puxa-sacos, infelizmente, ainda são muito valorizados);
  • Estimule o engajamento com as questões da empresa, mais do que o simples cumprimento de tarefas (a falha neste ponto nunca será culpa da equipe);
  • Incentive os colaboradores a tirarem suas dúvidas sobre estratégias, processos e decisões (é mais difícil do que parece);
  • Tente nunca deixar de atender a pedidos de capacitação profissional (o interesse por aprender pode desaparecer se não for alimentado);
  • Permita que os colaboradores se comuniquem e ajudem um ao outro no trabalho (baias não são mais um modelo bem visto nas empresas modernas);
  • Retire de você mesmo a importância que julga ter (assim como um pai ou uma mãe, deixe que sua equipe resolva problemas sem você. Deixe o orgulho de lado);
  • Jamais recuse boas ideias, venham elas de onde vierem (um ambiente positivo tende a ser mais fértil de ideias);
  • Implemente mudanças sugeridas e sempre dê os créditos (todos devem se sentir parte do processo).

O crescimento dos seus funcionários tem como consequência direta o crescimento de sua empresa.

Essa é sua chance de nos mostrar o que é proatividade

Por fim, deixamos uma última dica: não aplique essas informações no julgamento de pessoas que você conhece, sejam colaboradores, chefes ou concorrentes.

A autocrítica é uma das maiores características de uma pessoa que se propõe a ser mais proativa.

Concordando ou discordando, seja proativo e faça seus comentários! O espaço está sempre aberto para discussões produtivas como essa.

Ah! E se você gostou desse assunto e quer saber mais, continue nos acompanhando, pois na semana que vem voltaremos a este assunto e faremos um teste com você!

 

Conta de Pagamento: como emitir cobranças e receber pagamentos sem ter conta em banco